Hamilton ganha prova maluca e vai à etapa final da F-1 empatado com Verstappen

1 month ago 73

A Fórmula 1 conhecerá o campeão da temporada 2021 somente na 22ª e última etapa, no próximo domingo (12), em Abu Dabi, nos Emirados Árabes Unidos, com os dois concorrentes ao título empatados na classificação geral. Em uma corrida maluca neste domingo (5) - com direito a muitas batidas, bandeiras vermelhas e amarelas e duas relargadas -, o inglês Lewis Hamilton, da Mercedes, venceu o GP da Arábia Saudita e se igualou na pontuação (369,5) com o holandês Max Verstappen, que ficou em segundo lugar no circuito urbano de Jeddah.

Quer continuar lendo este e outros contedos srios e de credibilidade?
Assine o JC Digital com desconto!

Desktop/tablet/smartphone

  • Personalize sua capa com os assuntos de seu interesse
  • Acesso ilimitado aos contedos do site
  • Acesso ao Aplicativo e verso para folhear on-line
  • Contedos exclusivos e especializados em economia e negcios
  • Cancelamento on-line e a qualquer momento

Assine J nosso assinante? faa login

A Fórmula 1 conhecerá o campeão da temporada 2021 somente na 22ª e última etapa, no próximo domingo (12), em Abu Dabi, nos Emirados Árabes Unidos, com os dois concorrentes ao título empatados na classificação geral. Em uma corrida maluca neste domingo (5) - com direito a muitas batidas, bandeiras vermelhas e amarelas e duas relargadas -, o inglês Lewis Hamilton, da Mercedes, venceu o GP da Arábia Saudita e se igualou na pontuação (369,5) com o holandês Max Verstappen, que ficou em segundo lugar no circuito urbano de Jeddah.

Pelo número de vitórias, primeiro critério de desempate, o piloto da Red Bull leva vantagem por 9 a 8, o que faz com que conquiste o seu primeiro título na carreira no caso de os dois não terminarem a prova em Abu Dabi ou chegarem abaixo do 10º lugar. Hamilton só precisa agora chegar na frente de Verstappen, dentro da zona de pontuação, para ser octacampeão mundial e se tornar o maior vencedor da história da Fórmula 1, deixando o alemão Michael Schumacher para trás.

Em uma noite surreal e marcada por duas bandeiras vermelhas, intervenções do safety-car e até de uma freada forte de Verstappen que culminou em uma batida de Hamilton na traseira do carro do rival, o heptacampeão mundial arrancou a ultrapassagem no peito e na raça, a sete voltas da bandeira quadriculada, e mesmo com a asa dianteira avariada nos giros finais impôs uma dura derrota ao holandês no momento de uma grande arrancada rumo ao oitavo título.

No fim da corrida, já na reta dos boxes, o finlandês Valtteri Bottas, que estava bastante apagado na prova, passou a Alpine do francês Esteban Ocon, conquistou a terceira colocação e vibrou como se fosse uma grande vitória. O resultado praticamente encaminhou o título do Mundial de Construtores para a Mercedes pela oitava vez seguida.

O australiano Daniel Ricciardo levou a McLaren ao quinto lugar, sendo seguido pelo francês Pierre Gasly, da AlphaTauri. O monegasco Charles Leclerc e o espanhol Carlos Sainz Jr., com a Ferrari, terminaram em sétimo e oitavo, respectivamente. O italiano Antonio Giovinazzi, de saída da Fórmula 1, foi o nono com a Alfa Romeo, enquanto que o inglês Lando Norris marcou mais um ponto para a McLaren com a 10ª posição.

A prova teve uma duração bem maior do que o normal devido a duas paralisações, por conta dos acidentes envolvendo o alemão Mick Schumacher (Haas), na 10ª volta, o mexicano Sergio Pérez (Red Bull), o russo Nikita Mazepin (Haas) e o inglês George Russell (Williams) - esses três últimos na 14ª. Além disso, o GP da Arábia Saudita teve suas polêmicas, com uma manobra defensiva de Verstappen em cima de Hamilton tirando o carro para fora da pista, obrigando o holandês a perder duas posições na segunda relargada.

Confira o resultado final do GP da Arábia Saudita:

1º -Lewis Hamilton (ING/Mercedes) - 2h06min15s118, após 50 voltas

2º -Max Verstappen (HOL/Red Bull) - a 11s825

3º -Valtteri Bottas (FIN/Mercedes) - a 27s531

4º -Esteban Ocon (FRA/Alpine) - a 27s633

5º -Daniel Ricciardo (AUS/McLaren) - a 40s121

6º -Pierre Gasly (FRA/AlphaTauri) - a 41s613

7º -Charles Leclerc (MON/Ferrari) - a 44s475

8º -Carlos Sainz Jr. (ESP/Ferrari) - a 46s606

9º -Antonio Giovinazzi (ITA/Alfa Romeo) - a 58s505

10º - Lando Norris (ING/McLaren) - a 1min01s358

11º - Lance Stroll (CAN/Aston Martin) - a 1min17s212

12º - Nicholas Latifi (CAN/Williams) - a 1min23s249

13º - Fernando Alonso (ESP/Alpine) - a 1 volta

14º - Yuki Tsunoda (JAP/AlphaTauri) - a 1 volta

15º - Kimi Raikkonen (FIN/Alfa Romeo) - a 1 volta

Não completaram a prova:

Sebastian Vettel (ALE/Aston Martin)

Sergio Pérez (MEX/Red Bull)

Nikita Mazepin (RUS/Haas)

George Russell (ING/Williams)

Mick Schumacher (ALE/Haas)

Read Entire Article